A arte de ser louco.

Será que sou louco?

Será que existe mesmo um padrão de sanidade? Eu não entendo essa sociedade, temos que ser todos iguais, iguais aos patéticos políticos. Ser normal… o que é mesmo isso?

Perante a sociedade, ser normal a se acostumar a ser igual, voltar cedo pra casa se não você pode ser assaltado, ou estuprado… Ser normal é ter que ver políticos roubando, pessoas matando e não fazer nada… isso é ser normal? Ser normal é ter que reprimir gestos e atitudes?

SOU FELIZ POR NÃO SER NORMAL. Na verdade acho que todos nós somos loucos, pois não existe uma sanidade perfeita.

Quantas vezes você já não saiu na rua falando sozinho? Quantas vezes você não ficou ensaiando diálogos que nunca aconteceram?

“Só é louco quem não tem medo de sufocar o que sente, quem não tem medo de falar na cara, quem não tem medo de ser feliz.”

Não existe padrão na nada nessa vida. Todo mundo é meio louco e meio normal. Pois na vida tudo é imprevisível,  nada é 100% certo!

E como disse Raul Seixas “A arte de ser louco é jamais cometer a loucura de ser um sujeito normal…”

E você, se considera louco ou normal? Faça um teste! Aqui


Lethicia. Beijos

Anúncios
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: